segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Decisão

Rabisco no céu
os meus sonhos de criança
e no papel,
vejo, em nuvens, a esperança.

Tudo passa
e eu aqui a escrever.
Estou à caça
do meu mais belo ser.

Não entendo a vida
tão bem assim.
Nem sequer viajo em cores
até o fim.

Sou aprendiz do vento
e com o tempo,
vou vivendo cada momento,
observando em contentamento.

Não sei se espero.
Afinal, a vida já passou
e não me deu o que eu quero.
O que eu quero também passou...

A decisão, enfim, chegou.
A escrever cá estou
(e pretendo ficar)
acho que achei o meu lugar...

0 comentários:

Postar um comentário

Mostre-se!